You are currently viewing Reintegração de posse é pauta na Câmara de vereadores de Canaã dos Carajás
Comunidade lutou o plenário

Reintegração de posse é pauta na Câmara de vereadores de Canaã dos Carajás

Na manhã dessa quarta-feira, 17, foi realizado na Câmara de Vereadores de Canaã dos Carajás uma reunião entre vereadores, associados e liderança da associação Níquel do Vermelho. Marcaram presença no encontro o presidente da casa de legislativa Dinilson José, vereador Cleverson Zajac, vereador Wilson Leite e o presidente da Associação Níquel do Vermelho Antônio Fraga.

Vereadores e Lideranças do Níquel do Vermelho

 

O encontro solicitado pelas lideranças da área, teve como objetivo informar aos vereadores da situação que a população do acampamento está passando devido à empresa Trias Brasil Mineração LTDA, que detém o poder de mineração da área, está querendo reivindicar o uso do mesmo, sem acordar com os agricultores que utilizam daquelas terras para a cultivação de alimentos, tanto para uso próprio quanto para o comércio local.

A mesa foi formada pelo presidente da casa legislativa Dinilson José, vereador Cleverson Zajac, vereador Wilson Leite e o presidente da Associação Níquel do Vermelho Antônio Fraga

 

 

Dinilson José Presidente da Casa Legislativa

 

O Presidente da Casa Legislativa, Dinilson José, falou sobre a situação atual de todos os envolvidos. “Estamos em um momento delicado onde a Associação do Níquel do Vermelho procurou essa casa de leis para fazer algumas denúncias e reivindicar alguns posicionamentos, nossa casa sempre se colocou à disposição da população de Canaã para ir em defesa dos mesmo, essa foi só a primeira reunião, haverá outras onde estaremos sentando com a Horizonte Minerals, Vale, com o Executivo e apropria associação cuidará para criar uma comissão onde as demais associações com o mesmo objetivo que é reintegração de posse venham estar participando dos encontros que surgirão, pois não será com uma só reunião que tudo será resolvido, mas sim, com a mais discussões para encontrar soluções viáveis para todos.

 

Cleverson Zajac vereador de Canaã

 

Cleverson Zajac, vereador de Canaã, falou sobre a reunião e dos posicionamentos que serão tomados em apoio aos agricultores. “Não é uma luta somente minha, mas de toda a casa com os 13 vereadores que estão na luta para defender os nossos produtores rurais, que se encontram hoje assentados nas áreas onde a empresa proponha a execução da exploração do minério, porém presamos pelas nossas pessoas que abastecem suas casas com a agricultura, e é por essa causa que vamos lutar para defender o povo e dar-lhes o direto de produzir em local apropriado, ainda que haja a necessidade de os mesmos serem realocados para outra área”, disse Cleverson Zajac.

Antônio Fraga presidente da Associação Níquel do Vermelho

 

O presidente da Associação Níquel do Vermelho, Antônio Fraga falou que a luta será grande, mas que todos lutaremos para obter nossos direitos. “Quero deixa dito aqui tanto para os associados, quanto para os moradores do Níquel do Vermelho, que eles podem ter certeza que tudo que podermos fazer para sair em defesa de cada um será feito, vamos procurar todos os caminhos possíveis para que possamos assegurar as famílias que ali residem, é importante que todos tenham essa consciência”.

Edsonia Alves liderança do chacreamento Pé de Serra

 

Edsonia Alves, uma das lideranças do chacreamento Pé de Serra marcou presença na reunião e falou de sua importância. “Achei de grande importância a realização desse encontro, pois agora nossos agricultores poderão ficar mais tranquilos, mesmo sabendo que esse foi o primeiro passo de muito que ainda teremos de dar, mas o fato das demais lideranças nos notarem, abrem de nossa existência algo que não estava acontecendo, vem ser de grande importância, pois passaremos a ser ouvidos para os nossos objetivos serem acolhidos e postos em prática”, disse.

O projeto Níquel do Vermelho foi desenvolvido primeiramente pela Vale, e depois adquirido pela Horizonte Minerals. A empresa deseja iniciar o estudo de viabilidade para o investimento, e a previsão é de início de implantação em 2025.

 

Por: Sarah Monteiro

 

Deixe um comentário