You are currently viewing Em sessão especial autoridades discutem combate ao abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes

Em sessão especial autoridades discutem combate ao abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes

Câmara recebeu convidados para discutir o tema e apresentar sugestões de ações que impactam na diminuição de casos.

 

Em Sessão Especial, em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes, realizada em 18 de Maio, a Câmara Municipal de Canaã dos Carajás reuniu autoridades e agentes ligados aos órgãos de proteção as crianças e adolescentes. Estavam presentes o Juiz da Infância e da Juventude, Danilo Alves, a Prefeita Josemira Gadelha, vereadores e secretários municipais.

A Vereadora Maria Pereira, Presidente da Comissão de Educação, Saúde e Meio Ambiente, presidiu a Sessão e abriu os trabalhos dizendo que as ações de combate ao abuso e exploração, também, devem ser focadas na prevenção, mas recomendou à população que denuncie casos suspeitos de abuso ou exploração. “Crianças… mesmo que seja seus pais não deixe ninguém tocar no seu corpo e não aceite favores. Denuncie, fala com quem estiver mais próximo… Tio, avó, algum parente.” Disse a vereadora. Em seguida o Vereador e Presidente da Câmara, Dinilson José, usou a tribuna dizendo que a Sessão Especial não se trata de uma comemoração e nem um dia de alegria mais sim um dia de tristeza e dor por causa do aumento de casos de abusos contra crianças. Dinilson destacou ainda que “hoje Canaã tem uma rede de proteção muito boa, incluindo órgãos como Conselho Tutelar, CREAS, Promotor de Justiça, Juiz, Policia Militar e Civil e mesmo assim percebe-se um crescimento nas ocorrências.

Na Tribuna o Juiz da Infância e da Juventude, Danilo Alves, disse que o 18 de Maio é apenas um símbolo, mas que a luta envolvendo o direito de Crianças e Adolescentes é diária. “Temos que procurar evitar a violência, prevenir. E isso está dentro da educação. Porque só estudando você se liberta e teremos pais que poderão gerir melhor sua família e evitar que a violência continue”, apontou o Magistrado. O Vereador Chefinho também usou a Tribuna e disse que “A Câmara está a disposição das autoridades para cuidar do povo e essa Câmara não vai medir esforços para apoiar, principalmente, as ações preventivas.”

O Vereador Cleverson Zajac lembrou que não é um dia para comemorações e sim para protestar contra o abuso e a violência infantil. Para o vereador “hoje é um dia que temos que refleti, mas temos que fazer isso todo dia, nos envolver todo dia para combater esse tipo de crime.” Cleverson disse ainda que “em função da Pandemia do Covid-19 as crianças ficam mais em casa e refém dos agressores.” Já o Vereador Clevis Criatura destacou a importância da população denunciar as agressões: “Só vamos fazer Justiça se houver denuncias e pessoas interessadas em resolver.”

            O Secretário de Desenvolvimento Social, Ronaldo Araújo, informou que só nos primeiros meses de 2021 foram registrados 19 casos de abusos e exploração sexual contra crianças e adolescentes em Canaã dos Carajás, com destaque para o mês de Março, que registrou o maior número de casos. Para Ronaldo a “ausência das crianças nas escolas é um risco e pode ter contribuído para o aumento de casos”.

A Prefeita Josemira Gadelha disse que “não temos que trabalhar apenas a politica punitiva, mas sim assegurar as nossas crianças e adolescentes a garantia de seus direitos. Nós temos que garantir a educação, a saúde, o emprego para os pais. Temos que cuidar cada vez mais e nosso governo e toda a equipe está imbuída e comprometida na garantia desses direitos.”

            Ao final da Sessão a Vereador Maria Pereira pediu que o debate se transforme em ações e indicou encaminhamentos a partir da sessão desta terça-feira.  “Temos que elaborar um Plano de Enfretamento, onde possamos colocar nesse plano os atores do sistema de garantias e envolvê-los cada vez mais, fortalecer ações de praticas esportivas e culturais e; principalmente, trabalhar para gerar emprego e renda.”

 

ASCOM/CÂMARA

Deixe um comentário